quarta-feira, 25 de junho de 2014

Medo Da Luz

"Há um tempo, mudamos para um apartamento maior e agora minhas duas filhas podiam cada uma ter seu próprio quarto. Minha surpresa foi que a mais nova começou a sentir medo durante a noite. Ela estava encabulada e até meio envergonhada de sentir medo do escuro. Naquele dia, tive a oportunidade de lhe ensinar algo sobre medo.

O medo pode se tornar covardia quando tenho as armas para vencer o obstáculo; pode se tornar paralisia quando nos sentimos completamente impotentes diante do desafio; e pode até se transformar em pânico quando simplesmente não conseguimos nem olhar para frente e nos escondemos completamente transtornados.

O medo pode ser uma sensação muito ruim, mas em si mesmo ele pode ser algo bom, porque nos protege dos riscos desnecessários. Dessa forma, eu mostrei para minha filha que ter medo do escuro é normal e até desejável, mas pior que temer o escuro é aquele que tem medo da luz. Infeliz é o dia em que deixamos de ter medo do escuro e passamos a ter medo da luz.

Fugimos da luz que mostra nossos atos e nossas motivações. Fugimos da luz de relacionamentos transparentes e de uma vida sem segredos. Vivemos num mundo estranho de criancinhas com medo do escuro e de adultos sombrios com medo da luz."

(Pr.Aluízio A.Silva - retirado do livro Não é Autoajuda é Ajuda do Alto)

A Graça e a Paz do Senhor Jesus.