quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Reforma Protestante - 31/10

O que foi?

A Reforma Protestante foi uma das inúmeras reformas cristãs que aconteceram após a Idade Média, quando o povo começou a questionar o que era imposto pela Igreja Católica – que tomava atitudes consideradas insatisfatórias e que fugiam dos seus princípios iniciais, fazendo-a entrar em grande contradição.
Essa reforma foi iniciada no começo do século XVI por Marinho Lutero, que publicou suas 95 teses em 31 de outubro de 1517. Ele protestou em frente à igreja do Castelo de Wittenberg, contra diversos pontos da doutrina da Igreja Católica Romana, como:
  • A Igreja Católica, inicialmente, condenava o acúmulo de capitais, mas ela mesmo fazia isso, juntando altas somas de dinheiro (geralmente dos fiéis) e possuindo terras.
  • Começaram a vender indulgências pregando que qualquer cristão poderia (e deveria) comprar o perdão para os seus pecados. Lutero discordou publicamente dessa prática realizada pelo Papa Leão X.
  • A Igreja Católica possuía muito poder político, o que naquela época não deveria acontecer (estavam em fase de transição do sistema feudal para monarquias nacionais).

A Pré-Reforma

Foi um período anterior à Reforma Protestante, que espalhou as bases ideológicas que Martinho Lutero tanto defenderia. Pedro Valdo era um comerciante de Lyon que se converteu ao Cristianismo em 1174 e com o tempo, passou a pregá-lo para o povo sem sequer possuir o cargo de sacerdote. Também renunciou suas atividades e os bens, que repartiu entre os pobres. A denominação cristã criada por Valdo e seus seguidores possuía o nome de Valdenses. Eles reuniam-se em casas de famílias e grutas, clandestinamente.
Foi durante o século XIV, com John Wycliffe, que o debate e questionamentos sobre a Igreja Católica começaram, quando suas contradições foram ficando mais claras. Ele defendia que o poder político deveria ficar apenas nas mãos do rei, pedia para o retorno da Igreja Católica à primitiva pobreza dos tempos evangelistas e que a igreja deveria limitar seu poder apenas às questões espirituais.

A Reforma Protestante

A Alemanha e a França destacaram-se quando se tratava da Reforma Protestante:
  • Na Alemanha: Iniciou-se com o monge alemão Martinho Lutero, que teve suas 95 teses espalhadas pela Europa em menos de um mês. Foi processado por heresia notória pela Igreja Católica, excomungado e exilado por um ano. Mas já era tarde, a população começava a apoiar Lutero e até alguns padres e freiras entraram nessa rebelião ideológica a favor dele. Alguns conflitos armados aconteceram, em resposta às questões sociais. Martinho Lutero chegou a ser convocado para desmentir suas teses, mas no lugar disso, ele continuou defendendo-as e pedindo por uma reforma.
  • Na França: Com o inicialmente humanista João Calvino e ex-integrante do Clero, a França começou sua reforma no ano de 1534. Ele era visto como um representante importante do movimento protestante e logo atraiu muitos banqueiros e burgueses para o “calvinismo”. Mesmo após a sua morte, em 1564, ele permanece como uma figura central da história da Suíça (local para qual fugiu depois de perseguições na França).
Em resposta a Reforma Protestante, a Igreja Católica iniciou a contra-reforma, tentando frear os protestantes. O principal acontecimento dessa medida desesperada da igreja foi o massacre de São Bartolomeu, que vitimou cerca de 100 000 protestantes na França. E após toda essa luta pela reforma, o Protestantismo conseguiu tornar-se um dos principais ramos do cristianismo.

A Graça e a Paz do Senhor Jesus.

Aprendendo A Ouvir

Leia Jeremias 35 e reflita
assim diz o Senhor Deus dos Exércitos, o Deus de Israel: Eis que trarei sobre Judá, e sobre todos os moradores de Jerusalém, todo o mal que falei contra eles; pois lhes tenho falado, e não ouviram; e clamei a eles, e não responderam.
Jeremias 35:17

"Por isso assim diz o Senhor dos Exércitos, o Deus de Israel: Eis que trarei sobre Judá, e sobre todos os moradores de Jerusalém, todo o mau que falei contra eles; pois lhes tenho falado, e não ouviram; e clamei a eles, e não responderam" (vs.17)

Essa orientação de Deus para seu povo não é complicada, Não poderia ser mais simples: o Juízo viria porque eles "não ouviram". Deus quer que o ouçamos. No entanto, podemos escolher aceitar ou não. Podemos optar por levar "cativo todo pensamento, para torná-lo obediente a Cristo" (2Co 10:5) ou permitir que o diabo nos alimente com mentiras e manipule nossa vida. Todo pecado começa com um pensamento."Pois do interior do coração dos homem vêm os maus pensamentos, as imoralidades sexuais, os roubos, os homicídios, os adultérios, as cobiças, as maldades, o engano a devassidão, a inveja, a calúnia, a arrogância e a insensatez." (Mc 7:21-22). Se não controlarmos a mente, o diabo nos manipulará.

Portanto, você precisa se empenhar em monitorar o que lhe entra na mente. A que programas de Tv você assiste? Que revistas e livros lê? Que música, programa de rádio ou Cd's ouve? eles lhe enchem a mente com pensamentos piedosos e lhe alimentam o espírito de modo a sentir-se enriquecida, em paz e aençoada, ou a levam a sentir-se vazia, confusa, ansiosa e temerosa? "Pois Deus não é Deus de desordem, mas de paz" (1Co 14:33). Quando enchemos a mente com a palavra de Deus e com aquilo que o glorifica, não deixamos espaço para a propaganda do inimigo.

Recusar-se a nutrir pensamento maldosos é parte do processo de resistência ao diabo. Não viva confuso ou oprimido. Você não tem de viver como "os gentios, que vivem na inutilidade dos seus pensamentos. Eles estão obscurecidos no entendimento e separados da vida de Deus por causa da ignorância em que estão, devido ao endurecimento do seu coração." (Ef 4:17-18). em vez disso, peça a Deus clareza, conhecimento e discernimento para ouvir sua voz.

A Graça e a Paz do Senhor Jesus.



quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Libertando-se Do Desânimo

Todos passamos por períodos de desânimo. Todos podemos nos sentir abatidos, feridos ou rejeitados. Na maior parte das vezes conseguimos juntar os pedaços e voltar ao caminho. Em alguns momentos, no entanto, conflitos vem difíceis e graves se sucedem, causando muita destruição. Nesses períodos, o inimigo vem perturbar-nos com suas mentiras. Ele tentar envenenar-nos a mente com pensamento como estes: "Você não tem as qualidades necessárias. O que o fez pensar que teria sucesso? Na verdade ninguém se importa com você. As coisas jamais mudarão. Deus não ouve suas orações. Você nunca vai ser abençoado como outras pessoas." Ele vai fazer você acreditar em qualquer mentira que consiga lançar em seus ouvidos.

O problema do desânimo é que ele acontece um pouco de cada vez, de modo muito sutil. O inimigo gosta de destruir-lhe a coragem quando você esta enfrentando problemas e desafios. Pouco a pouco, mentira a mentira, ele tenta exauri-lo, tenta convencê-lo a desistir porque sabe que se você o fizer, desistirá porque sabe que, se você o fizer, desistirá também de Deus. E, assim, o inimigo vencerá. É claro que ele não pode vencer a guerra, mesmo que tente convencê-lo de que é capaz. Ele ganha apenas uma das muitas batalhas, mas trata-se de uma batalha que ele não precisa ganhar.

A boa notícia é que Deus é um Deus de encorajamento, e ele quer que o busquemos ao primeiro sinal de desânimo, a fim de encontrarmos nele o encorajamento. Melhor ainda, ele quer que confiemos tanto em seu amor incessante por nós a ponto de não nos deixarmos enganar pelas mentiras desanimadora do diabo. No entanto, a mais forte de nós pode cair, vítima do desânimo. Se isso ocorrer com você, volte-se imediatamente para Deus. Busque-o em oração e ele o encorajará. Passe tempo lendo a palavra. Sempre que adorar e louvar ao Senhor, você sentirá sua presença estimuladora. você se sentirá encorajada ao refletir sobre a bondade de Deus, seu amor e seu poder de renovar todas as coisas. Ele é o Deus que cura, provê, protege, liberta e salva. Ele é todo-poderoso e, portanto, maior que qualquer problema que você tenha de enfrentar, pois com ele tudo é possível.

Diante de circunstâncias sombrias, busque mais a Deus. Em vez de preocupar-se, deposite sua esperança no Senhor (Sl 130:7). Diga:" Senhor, vou louvar-te sem me importar com o que está acontecendo."
domine suas emoções e diga a si mesmo: "Bendiga o Senhor a minha alma! Não esqueça nenhuma de suas bençãos!" (Sl 103:1-2). Cada vez que você se voltar para Deus em oração, em louvor e adoração, abre os canais que lhe fazem fluir para a alma a paz, o amor e o encorajamento divinos. O desânimo não pode sobreviver nessa atmosfera.

(Retirado da Bíblia da Mulher que Ora da autora Stormie Omartian)

A Graça e a Paz do Senhor Jesus.

terça-feira, 29 de outubro de 2013

Paulo Ouve O Não De Deus

2 Coríntios 12:7-10
  
"E, para que não me exaltasse pela excelência das revelações, foi-me dado um espinho na carne, a saber, um mensageiro de satanás para me esbofetear, a fim de não me exaltar. Acerca do qual três vezes orei ao Senhor para que se desviasse de mim. E disse-me: A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo. Por isso sinto prazer nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias por amor de Cristo. Porque quando estou fraco então sou forte."

Paulo pediu a Deus que eliminasse uma dificuldade, um "espinho" na carne que o incomodava. É claro que fazia sentido orar a Deus para removê-lo. Afinal, a remoção tonaria Paulo mais eficiente, não é? Deus, porém, respondeu negativamente. Paulo sabia o significado de desejar algo de Deus, pedir com fé e com motivos puros e, mesmo assim, não receber a resposta desejada. A resposta de Deus foi simplesmente: "Minha graça é suficiente para você, pois o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza" (vs.9).

Em essência, Paulo disse: "Deus, por favor, elimine esse problema", e Deus respondeu: "Não, deixe que o problema se aproxime mais de mim. Vou dar-lhe graça para suportá-lo e poder inesperado através dele. Confie em mim." 

Nossa vida de oração não lhe restringe a obter algo de Deus; ao contrário, ela se concentra em buscar o caminho que conduz a Deus. Trata-se de alcançar um relacionamento mais profundo com ele. Oração significa aceitar a resposta de Deus mesmo que ela não traduza nosso desejo.

(Retirado da Bíblia da Mulher que Ora, da autora Stormie Omartian)

A Graça e a Paz do Senhor Jesus.

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Promessa de Unção - Salmo 23


“O Senhor é o meu Pastor;… Unges a minha cabeça com óleo.”

Promessa de unção.

Esta promessa é maravilhosa. A unção de Deus sobre nossas vidas é essencial para o cumprimento dos propósitos que Ele mesmo tem para nós.

Algumas pessoas imaginam que a unção é um sentimento gostoso, um arrepio que sentem quando o culto foi maravilhoso. Mas a unção vai muito além disso. É claro que ela está associada à própria Presença de Deus entre nós, e ela pode mesmo ser sentida em nossas reuniões, ou até mesmo a sós, quando entronizamos o Senhor e Lhe damos boas vindas em nosso meio.

Mas vemos nas Escrituras diversos exemplos da unção, como o óleo derramado para ungir reis, sacerdotes, levitas, sempre tendo em vista a capacitação e separação para o cumprimento de um propósito.

É maravilhoso pensar que Deus nos unge a fim de nos capacitar a cumprir os desafios e tarefas que coloca diante de nós (até mesmo as “não religiosas”, o dia a dia em casa, no trabalho, etc). 

Não precisamos ir, realizar, nas nossas próprias forças. Aliás, como o próprio Davi experimentou, é melhor deixar a armadura de Saul de lado, por mais bonita e luxuosa que seja. 

É melhor deixar as ferramentas que este mundo oferece de lado, por mais convincentes e “seguras” que nos pareçam ser. É melhor deixar tudo, e confiar na unção, na capacitação sobrenatural que vem do Alto, e que usará aquilo de tão simples que o próprio Deus colocou em nossas mãos, ainda que sejam pedrinhas lisas de um ribeiro, para derrotar o gigante.

A unção do Senhor faz toda a diferença na vida, no ministério de uma pessoa. Sem muita “parafernália”, é possível ser mais eficaz com tão pouco, se a unção de Deus estiver presente sobre alguém, sobre algum lugar. Assim como tantas vezes já presenciei, palcos, luzes, muito som, e pouca unção. E outras vezes, apenas um acorde, uma voz solitária, encharcada de unção, produzindo quebrantamento e um encontro com a presença de Deus nos corações.

Ah! Que possamos deixar tudo para termos a unção. Ah! Que apreciemos aquilo que realmente tem valor, o azeite na candeia que não pode faltar, pois precisaremos dele quando menos se esperar. Azeite que não podemos pegar emprestado, mas deve ser comprado. O preço da consagração deve ser pago. Ah! Que jamais falte o óleo, a unção fresca sobre as nossas cabeças.

(Ana Paula Valadão Bessa)

A Graça e a Paz do Senhor Jesus.

sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Filme - Conquista de Reis

A dica para esse fim de semana é "Conquista de Reis"

Conquista de Reis é um épico que revive a história de um povo através da vida de Ester, uma judia, que tornou-se uma das rainhas mais corajosas de todos os tempos, enfrentando o Rei Xerxes e a própria morte para defender seu povo. O triunfo de Ester não é por causa de uma intervenção divina e sim por sua humanidade e bravura que a tornaram lenda. Mas, antes de mais nada Conquista de Reis é um filme excepcional sobre a descoberta da identidade de cada um e pergunta: de onde vem o propósito da vida?. Assista e descubra.

Não esqueça a pipoca. Bom filme!

A Graça e a Paz do Senhor Jesus.

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Agradeça a Deus Porque Ele O Conhece e Ama!

Leia Salmos 139:1-24 e reflita

"Senhor, tu me sondas e me conheces. Sabes quando me sento e quando me levanto; de longe percebes os meus pensamentos. Sabes muito bem quando trabalho e quando descanso; todos os meus caminhos são vem conhecidos por ti." (vs. 1-3)

Deus sabe tudo sobre você. Ele conhece seus pensamentos antes ainda de se formarem. (vs.4) ele conhece seus atos desde o momento em que você se levanta de manhã até que vai dormir à noite. Até mesmo quando o sono a reduz à inconsciência, ele continua a zelar por você.

Deus está em toda a parte. Não há lugar aonde você possa ir que Deus não esteja também ali. Ele está com você nas experiências da vida o alto da montanha e também nos vales do desespero. Deus é onipresente. Embora tendo sofrido uma prisão nazista durante a segunda guerra mundial, Corrie Ten Boom pôde escrever: "Não há abismo tão profundo que Deus não possa alcançá-lo."

Deus fez um milagre ao criá-lo! É possível que você lute com seus sentimentos ou com sua aparência, e talvez não se sinta absolutamente como um "milagre", mas você é. Deus o formou e amou quando ainda estava o útero de sua mãe. Você foi criado à imagem dele (Fn 1:27)

Sua vida não é um acidente, e o propósito dela foi estabelecido ainda antes de você nascer. Seu Pai celestial sabe tudo sobre você, está presente em toda parte e realizou um milagre quando o fez. Louve a Deus todos os dias por ele conhecê-lo e amá-lo.

Segue uma música para lhe ajudar em sua reflexão: "Senhor eu sei que Tu me sondas"


A Graça e a Paz do Senhor Jesus.

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

As Queixas de Jeremias

Jeremias 20:7-18

Jeremias tinha o hábito de discutir consigo próprio e se queixar a Deus na mesma oração. Essa passagem é uma oração de queixa a Deus que inclui acusação (20:7), sarcasmo (8), exasperação (9), medo (10), louvor (13), ira (14) e angústia (18). Jeremias não hesitou em contar a Deus o que lhe passava na mente - mesmo quando tinha dificuldade em tomar uma decisão, e Deus ouvia.

Você já esteve tão mergulhado numa situação complexa que não sabia como orar a respeito? Não deixe que isso a impeça de orar. Suas orações não precisam ser eloquentes, mas apenas sinceras. Deus valoriza um coração sincero.

Ore!!

(Retirado da Bíblia da Mulher que Ora, da autora Stormie Omartian)

A Graça e a Paz do Senhor Jesus.

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Promessa de Honra - Salmo 23


“O Senhor é o meu Pastor;… Preparas-me uma mesa perante mim na presença dos meus inimigos.”

Promessa de honra

Quando pensamos nesta expressão, “uma mesa diante dos meus inimigos”, podemos imaginar uma cena muito interessante. É como se Deus preparasse um banquete de honra para nós, e nos colocasse sentados, honrados, sendo servidos, diante daqueles que nos querem mal.

Ainda que saibamos que nosso verdadeiro inimigo não é de carne e sangue, ou seja, não são as pessoas nossas verdadeiras inimigas, podemos reconhecer que existe gente que nos quer mal, e que tantas vezes pode ser usada até mesmo por satanás para tentar nos ferir.

Aprendemos com Cristo a perdoar, e a entregar a vingança ao Senhor, que, promete exaltar o que se humilha e abater o que exalta a si mesmo. O caminho de Deus para nós é abrir mão da nossa defesa, do nosso direito, pois Ele mesmo é poderoso para defender a nossa causa. Se fizermos assim, temos uma promessa de honra nos aguardando. O Senhor promete preparar uma mesa para nós, nos honrando diante dos nossos inimigos.

Que nossos corações descansem no justo juiz, entregando a Ele toda causa de injustiça e perseguição, de falsidade, calúnia, de males tramados contra nós. Assim como no livro de Ester lemos sobre o “senso de humor” de Deus revertendo os planos de Hamã contra Mordecai em honra e livramento para ele e para todo o povo judeu, que nossa esperança esteja depositada nAquele que defende a nossa causa e que é a nossa justificação.

(Ana Paula Valadão Bessa)

A Graça e a Paz do Senhor Jesus.

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Telefones de Emergência



Esses números podem salvar sua vida!!! Deus te abençoe.

A Graça e a Paz do Senhor Jesus.

quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Enfrentando Os Seus Temores

Leia Jó 3 1-26 e reflita

"O que eu temia veio sobre mim; o que eu receava me aconteceu. Não tenho paz, nem tranquilidade, nem descanso; somente inquietação." (vs. 25-26)

Jó era considerado por Deus um homem justo; no entanto, tinha medo. Temia pelos filhos e por sua saúde. temia perder tudo. Quando tais temores tornaram-se realidade, ele disse: "Não tenho [...] descanso; somente inquietação." Esmagado pela dor, Jó desejou nunca ter nascido. Embora tivesse vivido segundo as leis divinas e adorado a Deus em vez dos vens, lhe foi afligido. Quem pode criticar Jó por sua reação? Quantos de nós perdemos tudo, incluindo filhos, saúde e bens? Como responderíamos a tão horrível situação?

Quando ocorre o que mais tememos, a única reação em meio ao sofrimento deve ser de louvor a Deus. isso não significa que temos de agir como se nada de ruim tivesse ocorrido, até porque o pesar saudável e importante. O que precisamos é reconhecer que tudo o que se refere a Deus é sempre verdade, independentemente do que esteja acontecendo e de quanto medo tenhamos.

Quaisquer que seja suas lágrimas mais ardentes, leve cada uma delas a Deus. Agradeça-lhe por ele ser maior que todas elas. Agradeça-lhe porque na presença dele toda lágrima desaparece. "Aleluia! Como é feliz o homem que temo o Senhor e tem grande prazer e seus mandamentos! [...] Não temerá más notícias; seu coração está firme, confiante no Senhor." (Sl 112:1,7)

O amor de Deus pode eliminar seu medo e conceder-lhe poder para resistir ao inimigo quando ele desejar que o medo a sobrepuje. mesmo que lhe sobrevenham os piores receios, o amor de Deus lhe assegura que ele andará com você a cada passo do caminho, conduzindo-o a restauração.

A Graça e a Paz do Senhor Jesus.

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

A Palavra De Deus Faz A Vida Dar Certo

Deus nos deu a sua Palavra para que soubessemos como viver corretamente. Por isso a amamos tanto. Ela explica tudo. Conta-nos o certo e o errado. Quando se vive dessa forma, a vida dá certo. O contrário também é verdade. A Palavra de Deus edifica você. Alimenta-lhe a alma e dá-lhe força, rumo, orientação, esperança, encorajamento e fé.

As leis de Deus existem para nosso benefício. Ele não nos coloca regras a fim de ter um motivo para atacar-nos como relâmpagos quando não obedecemos perfeitamente a todas elas. Deus deseja mostrar-nos como evitar o que pode prejudicar ou destruir nossa vida. É por isso que ele providenciou essa ferramenta maravilhosamente confiável. Assim podemos sempre conhecer a verdade e nela sempre encontraremos consolo e força, sabedoria e conhecimento, amor e fé, paz e alegria, livramento e libertação, clareza e direção, integridade e restauração, produtividade e propósito.

Há consequências para a desobediência constante e intencional aos caminhos de Deus Aquelas dentre nós que provaram dessas águas e enfrentaram as consequências conhecem a dor dessa prova. Aqueles dentre nós que tentaram os caminhos de Deus constataram que são bons compreendem como é maravilhoso ter a Palavra de Deus como guia. Quando nos recusamos confirmar no mundo e, em vez disso, encontramos tudo o que precisamos na palavra de Deus, estamos nos plantando onde o rio da vida de Deus flui constantemente em nossa vida. (Sl 1:1-3). Esse tipo de existência produzirá fruto duradouro.

O fato de crer nas promessas de Deus nos capacita a fugir da corrupção imposta pela concupsciência dos olhos e da carne. A Palavra de Deus "nos deu as suas grandiosas e preciosas promessas", mediante as quais poderemos ser "participantes da natureza divina", havendo escapado "da corrupção que há no mundo, causada pela cobiça" (2pe 1:4). A palavra nos faz crescer e nos ajuda a obter uma natureza santa, como a do Senhor.

A Palavra de Deus é uma arma de guerra espiritual que podemos usar para proteger-nos. "Usem o capacete da salvação e a espada do Espírito que é a Palavra de Deus" (Ef 6:17). Para usá-la como arma, devemos ler a Palavra, refletir sobre ela, comunicá-la e louvar a Deus por ela todos os dias.

A Palavra de Deus declara quanto ele nos ama e mostra até que ponto ele foi provar seu amor por nós. É por isso que ela toca fundo o coração. Nada nos penetra a alma ou muda nossa vida mais profundamente que o amor verdadeiro. E o amor dele é o mais verdadeiro que pode existir. Ao ler a carta de amor de Deus - a Bíblia - podemos compreender melhor seu coração cheio de amor por nós.

(Retirado da Bíblia da Mulher que Ora da autora Stormie Omartian)

A Graça e a Paz do Senhor Jesus.

terça-feira, 15 de outubro de 2013

Intercedendo Na Esperança De Ver Grandes Transformações

Gênesis 18:20-23

Abraão sabia da perversidade de Sodoma e mantinha-se distanciado de sua influência maligna.
Apesar disso, não desejava ver pessoas boas castigadas com as más. Ele esperava que houvesse um número suficiente de indivíduos corretos na cidade e que Deus decidiria poupá-los. É possível também que ele só estivesse tentando proteger seu sobrinho Ló, que ali morava. À maneira típica das barganhas, Abraão reduziu o número de cinquenta para dez "justos", obtendo a aprovação de Deus a cada vez. Durante o processo, Abraão aprendeu muito sobre a paciência e a compaixão de Deus.

Em vista da situação mundial relativa ao pecado, cada dia que passa representa outra oportunidade em que Deus retém misericordiosamente seu julgamento. Você talvez conheça em sua família, na vizinhança ou no trabalho pessoas aparentemente desesperançadas e inacessíveis. Por mais impossíveis de resgatar que pareçam, continue pedindo a Deus que as salve. Sua oração pode influenciar o rumo da vida deles, e quem sabe que grandes coisas você vai aprender sobre Deus nesse processo?

(Retirado da Bíblia da Mulher que Ora, da autora Stormie Omartian)

A Graça e a Paz do Senhor Jesus.

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Promessa de Consolo - Salmo 23


“O Senhor é meu Pastor;... o Teu bordão e o Teu cajado me consolam”

Promessa de consolo

Esta promessa é tão interessante. Ao mesmo tempo em que o bordão e o cajado são instrumentos usados pelo pastor para abrir caminho no campo, um pedaço de pau em que ele pode se apoiar e usa para “limpar” a trilha, e até lutar contra um animal feroz, eles também são importantes na disciplina do rebanho.

De vez em quando, o pastor precisa puxar uma ovelha que está se desgarrando. Ele usa o cajado. Ele a tira daquela direção em que estava indo, para longe dele, e a traz para junto de si e das outras ovelhinhas. Não é interessante?

Além disso, ele precisa, às vezes, bater na ovelha rebelde com o cajado. E onde é que entra o consolo trazido pela vara? É exatamente neste mistério, que a própria Palavra descreve, pois diz que Deus disciplina aqueles a quem ama.

Por mais que nos doa sermos tirados de nossos caminhos e direções independentes e rebeldes, por mais que soframos ao sermos humilhados, quebrantados, corrigidos em nossas condutas e motivações, quando somos disciplinados reconhecemos que é por amor que Deus não nos deixa no erro.

Que possamos reconhecer o amor de Deus em nos corrigir, usando cada situação, mesmo as que não gostamos, para nos trazer para mais perto dEle e de Seu rebanho. Que nos deleitemos em Seu cuidado, que nos ensina o que é certo e bom, ainda que nos humilhe e quebrante durante a jornada. Seu amor nos consola em todo este caminho.

(Ana Paula Valadão Bessa)

A Graça e a Paz do Senhor Jesus.

domingo, 13 de outubro de 2013

Envelhecimento

O passar dos anos.

A Bíblia assegura, repedidamente, que o processo que chmamos de envelhecimento está completamente seguro nas mãos de Deus. Aparência, saúde e circunstâncias mudam com o tempo de maneira indesejável. Muitas pessoas enfrentam o estresse do envelhecimento apegando-se à beleza exterior, ao entusiasmo juvenil ou ao sucesso profissional. Contudo, apenas quando percebemos que Deus criou cada um de nós, de acordo com seu plano, e que nos dirige ao longo das diferentes estações da vida, fazemos as pazes com o envelhecimento inevitável.

Da mesma forma que cada estação do tempo tem sua beleza e propósito segundo o projeto de Deus, não há uma estação da vida na qual o cristão deva perder o ânimo de viver. Embora as oportunidades e a  capacidade possam declinar com a idade, cada dia de vida dado por Deus é propositadamente ordenado de acordo com sua perfeita sabedoria. 

O plano de Deus engloba pessoas de todas as idades. Miriã era uma menina quando, à margem do ria, cuidou do irmão Moisés. Muitos anos depois, ela o ajudou quando o povo de Deus precisou atravessar as águas para a liberdade. Maria era adolescente quando Gabriel anunciou que se tornaria mãe e estava na meia-idade quando presenciou a crucificação e a ressurreição de Jesus e o envio do Espírito Santo. Aqueles que vivem por Cristo cada dia não darão fruto apenas na juventude, ms também na idade avançada (Sl 92:12-15).

Neste dia, em que completo mais um ano de vida, quero agradecer a Deus pelo propósito que tem em minha vida e que, mesmo que em alguns momentos eu não perceba, sei que Ele está comigo e que tudo ocorre para o meu bem. Obrigada meu Bom Deus pelo meu aniversário.

(Retirado da Bíblia da Mulher, editora Mundo Cristão)

A Graça e a Paz do Senhor Jesus.