quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Enfrentando Os Seus Temores

Leia Jó 3 1-26 e reflita

"O que eu temia veio sobre mim; o que eu receava me aconteceu. Não tenho paz, nem tranquilidade, nem descanso; somente inquietação." (vs. 25-26)

Jó era considerado por Deus um homem justo; no entanto, tinha medo. Temia pelos filhos e por sua saúde. temia perder tudo. Quando tais temores tornaram-se realidade, ele disse: "Não tenho [...] descanso; somente inquietação." Esmagado pela dor, Jó desejou nunca ter nascido. Embora tivesse vivido segundo as leis divinas e adorado a Deus em vez dos vens, lhe foi afligido. Quem pode criticar Jó por sua reação? Quantos de nós perdemos tudo, incluindo filhos, saúde e bens? Como responderíamos a tão horrível situação?

Quando ocorre o que mais tememos, a única reação em meio ao sofrimento deve ser de louvor a Deus. isso não significa que temos de agir como se nada de ruim tivesse ocorrido, até porque o pesar saudável e importante. O que precisamos é reconhecer que tudo o que se refere a Deus é sempre verdade, independentemente do que esteja acontecendo e de quanto medo tenhamos.

Quaisquer que seja suas lágrimas mais ardentes, leve cada uma delas a Deus. Agradeça-lhe por ele ser maior que todas elas. Agradeça-lhe porque na presença dele toda lágrima desaparece. "Aleluia! Como é feliz o homem que temo o Senhor e tem grande prazer e seus mandamentos! [...] Não temerá más notícias; seu coração está firme, confiante no Senhor." (Sl 112:1,7)

O amor de Deus pode eliminar seu medo e conceder-lhe poder para resistir ao inimigo quando ele desejar que o medo a sobrepuje. mesmo que lhe sobrevenham os piores receios, o amor de Deus lhe assegura que ele andará com você a cada passo do caminho, conduzindo-o a restauração.

A Graça e a Paz do Senhor Jesus.